A importância de mastigar (bem)!

Com a correria do dia-a-dia, nem sempre conseguimos dar a devida atenção à forma como mastigamos, mas se pararmos para pensar…. Será que estamos a mastigar bem?

O ideal seria mastigarmos de um lado e depois do outro, alternadamente. Mastigar apenas de um lado pode levar a:

  • Alterações no tónus muscular (o lado preferencial da mastigação fica mais “forte”) que podem conduzir a assimetrias ao nível da face (mais desenvolvida do lado da mastigação);
  • Alterações da oclusão dentária e maior desgaste dos dentes do lado preferencial da mastigação;
  • Alterações ao nível da articulação temporomandibular (ATM), uma vez que pode sofrer sobrecarga e causar dor.

Para além do que foi referido, também devemos evitar:

  • Mastigar muito rápido – para que a digestão decorra de forma eficaz, os alimentos devem ser bem triturados e, deste modo, temos de mastigar devagar.
  • Mastigar de boca aberta – além de ser uma regra de boa educação, mastigar de boca fechada é essencial para se manter a pressão necessária à propulsão do bolo alimentar e para que a respiração seja feita pelo nariz, evitando a entrada de ar pela boca.
  • Usar de forma inapropriada os dentes – na hora de mastigar, todos têm funções diferentes e devemos respeitar. Os incisivos são responsáveis por cortar os alimentos e os molares por os triturarem.
  • Colocar demasiada quantidade de comida dentro da boca – para conseguirmos realizar os movimentos mastigatórios precisos e coordenados e triturar bem os alimentos é fundamental colocar uma quantidade de comida adequada na cavidade oral.

Para além da falta de tempo que muitas vezes nos obriga a mastigar de forma menos adequada, existem outros fatores que poderão estar a condicionar, nomeadamente:

  • Alterações da oclusão dentária, ausência de dentes e próteses mal adaptadas;
  • Fraqueza dos músculos responsáveis pela mastigação;
  • Paralisia Facial;
  • Alterações respiratórias (ex: respiração oral, rinite, desvio de septo) que causam uma obstrução da respiração nasal. 

Se apresentar alguma das condições anteriores, recorra a um Médico Dentista e/ou a um Terapeuta da Fala e melhore não só a sua mastigação, mas também a sua qualidade de vida.

www.multiclinica.pt

https://www.facebook.com/multiclinica.pt/

Comments are closed.